O que é paginação e projeto de gesso?

Quando um cliente procura por um profissional de interiores para criar ou remodelar um ambiente é importante considerar os recursos materiais e financeiros disponíveis para:

  • Criar o ambiente que o cliente deseja
  • Com o melhor visual e funcionalidade

O primeiro passo é refletir sobre qual a forma mais eficiente de fazer isso, dentre as várias opções. Algumas técnicas e materiais facilitam e tornam mais barato as mudanças estruturais no imóvel.

É o caso do uso do gesso, por exemplo. Ele tem sido uma opção popularizada e esteticamente agradável. Sem contar a facilidade de mudanças e instalações na estrutura, diferente de outros materiais.

Conhecer o material e estar apto a criar projetos usando gesso é imprescindível ao profissional de interiores.

Então vamos falar mais sobre gesso e Projeto e Paginação de Gesso.

Tipos de gesso

O gesso traz beleza e facilidade de aplicação, escondendo ferragens e disfarçando detalhes da peça. É o caso do gesso em pó, utilizado em forros e paredes, em todo tipo de revestimento.

Quando utilizados em forros, divisórias, paredes ou móveis fixos (como prateleiras, bancadas e estantes) o gesso pode ser colocado de duas formas, com suas diferenças e qualidades úteis para cada situação:

  • Gesso em placas
  • Gesso acartonado ou, como é mais conhecido: Drywall

O profissional de interiores deve escolher a opção mais adequada para o projeto em questão e entender sobre as práticas mais comuns para cada técnica.

Tanto a utilização do gesso em placa, quanto do gesso acartonado (Drywall), proporcionam maior resistência ao fogo, isolamento termo acústico bom e diferentes tipos de acabamento.

Vamos entender mais sobre cada tipo:

Gesso em placa

Muito utilizado no Brasil desde a década de 90 é o menos custoso. Trata-se de um conjunto de placas de gesso encaixadas, que podem formar o forro de tetos, constituir divisórias ou paredes.

O processo feito por profissionais qualificados, ainda é muito lembrado pelo formato comum no país de placas de um metro quadrado. Cada placa tem dois encaixes em cada lado, que completam e fixam as peças umas nas outras. Logo após, têm as emendas revestidas por mais gesso.

Placas de Gessocrédito da imagem: http://artgessomaraba.com.br

É necessário que os instaladores sejam capacitados, alinhando e plumando com precisão. O gesso em placas acaba sendo até 50 por cento mais barato que o gesso acartonado, mas, menos resistente.

A instalação de iluminação se torna muito mais simples no forro de gesso, criando visualmente uma divisão, bem interessante em termos estéticos e de localização das luminárias.

Pode ser pensado de maneira que beneficie o isolamento acústico, com placas duplas ou preenchidas com outros materiais.

Gesso acartonado – Drywall

Mais moderno e ainda pouco utilizado no Brasil, o forro acartonado, ou Drywall, tem diferenças tecnológicas para o gesso em placas comum. O drywall são placas de gesso revestidas de papel acartonado e são travadas a uma armação de metal, com a ajuda de parafusos.

Parede Drywall 4Crédito da imagem: Saint Gobain Drywall Placo

O drywall é usado para as mesmas situações que as placas de gesso:

  • como forro de tetos
  • como divisórias
  • como paredes
  • como móveis fixos: prateleiras, nichos, bancadas e estantes

Ele suja menos que o normal, a instalação é feita de forma mais ágil, o acabamento é de ótima qualidade e a versatilidade na composição de proposições de design nos ambientes é um grande destaque.

nichos em drywallCrédito da imagem: http://www.starkraving.ca

Outra coisa, sabe aquele forro ou divisória de gesso em placas feio, todo amarelado, com rachaduras e outras marcas do tempo? Pois é, com o uso do gesso acartonado isso fica muito mais difícil de acontecer. Isso porque ele utiliza uma estrutura mais forte e melhor acabada, do que outras formas de gesso.

Temperatura e acústica estão garantidos, assim como a instalação elétrica e a hidráulica que ficam simples e rápidas.

Parede Drywall 1Crédito da imagem: Saint Gobain Drywall Placo

Por outro lado, costuma ser mais caro. Mas o preço se justifica pelos benefícios conseguidos com seu uso e pela pouca manutenção que o material pede. O preço também diminui quanto maior é a quantidade do material a ser usado no projeto.

Uma vez que vemos o forro de gesso acartonado sendo cada vez mais escolhido entre profissionais e pessoas em geral, o seu preço, tende a diminuir com o tempo.

Contudo, vale lembrar que ainda é uma opção barata em relação ao uso de outros materiais que não seja o gesso.

Vantagens do gesso em placas e do gesso acartonado

Muito mais barato: Se for o gesso em placas o valor do por metro quadrado é muito mais barato que outros materiais para a mesma obra. No caso do acartonado o valor custo x benefício se comprova ao longo do tempo graças à baixa manutenção e conforto que o material traz.

Fácil de modificar: em locais comerciais, o gesso em placas pode não ter as placas fixadas, facilitando o deslocamento das mesmas. Ambas as técnicas permitem que se mude e instale redes elétricas e hidráulicas.

Para colorir: a pintura, no caso do gesso, pode acontecer até duas horas depois da colocação do material. Tudo muito rápido e com um resultado estético agradável.

Rápido e limpo: você usa menos material, aplica tudo uma vez só e de forma mais simples que a argamassa. O acabamento se torna muito mais liso e branco também.

Som e temperatura: o gesso proporciona um ambiente com maior isolamento térmico e de som.

Resistência ao fogo: muita gente não acredita, mas entre as formas de se usar o gesso, uma das vantagens em relação à argamassa é a resistência ao fogo.

Dicas e curiosidades

Como vimos até aqui, o gesso é uma opção muito viável para o interior de ambientes residenciais e comerciais, com facilidade de modificar as estruturas, proporciona conforto térmico e acústico, é uma excelente opção para profissionais de design de interiores.

Caso você precise fazer modificação ou obras em um espaço pequeno, o gesso em placas é mais interessante, mas se estivermos falando de uma parede que precise suportar peso, então o Drywall deve ser o escolhido.

Já espaços maiores, ou que precisam de uma instalação ainda mais rápida, mesmo que mais caro, o gesso acartonado ainda é a melhor opção.

O gesso acabou adquirindo a fama de fraco e caro para algumas pessoas, mas o problema pode não estar no material em si.

Logo que surgiu, muitas pessoas instalavam o gesso sem conhecer exatamente a técnica, ou sem dominar as competências necessárias para que o serviço ficasse de alta qualidade. Por isso, é importante que pessoas capacitadas façam a colocação.

Se você é estudante, recém-formado ou uma pessoa interessada na área de Design de Interiores, você poderá criar projetos fantásticos com gesso para seus clientes e para executar o projeto terá que conhecer a fundo os materiais que o mercado dispõe e trabalhar somente com profissionais qualificados, só assim você terá a certeza de que não haverá problemas nas instalações feitas com gesso e gesso acartonado (drywall) nos estabelecimentos dos seus clientes.

O uso do gesso cresce, assim como o conhecimento das pessoas sobre o uso e perfil do material. O mundo já o utiliza de forma bastante abrangente e o Brasil vem na crescente do uso.

Além de melhores condições técnicas, o lado artístico é favorecido pela facilidade de trabalho que ele promove, criando acabamentos e a criação de diversos formatos.

E você pode aprender mais a respeito de drywall em empresas como a Placo Saint Gobain  e Knauf Drywall que não só oferecem treinamentos de capacitação a quem quer se tornar instalador profissional, mas também disponibilizam em sua biblioteca, documentos, manuais, fichas técnicas e outros materiais úteis aos profissionais de interiores, para download em seus sites.

Você tem muitas opções na hora de propor soluções aos seus clientes, pense no gesso com carinho. Bem planejado e executado, o retorno pode ser muito grande para quem investir nesse conhecimento.

E se você quiser saber mais sobre o uso do gesso na iluminação e decoração (que são os tetos rebaixados e sancas), um curso que eu indico é o Curso de Paginação e Projeto de Gesso da arquiteta e Designer de Interiores Amanda Marques, eu escrevi um review sobre esse curso, que você pode ler aqui.

Lá você terá todas as informações sobre o curso, como ele é ministrado e o que você vai aprender. O curso também dispões de certificado que vale em todo o território nacional, vale a pena conferir.

review planejamento de ambientes-botão

Siga a profissão que você ama!

Baixe o seu Guia e receba informações que vão te ajudar a se sair bem no mercado de Design de Interiores!

Deixe um Comentário